A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

Por Maitê Karen – @maite_karenfurtado

Quando a arte se transforma em algo maior e se reinventa:

Segundo a legendária Coco ChanelA moda não é algo que existe apenas em roupas. Moda está no céu, nas ruas, tem a ver com ideias, com o modo como vivemos e com que acontece.”

Não é novidade nenhuma que a moda há muito se firmou como um verdadeiro retrato da sociedade moderna, o que lhe confere o poder de influenciar muitos outros movimentos de cunho comportamental, económico ou sociológico.

Um desses movimentos é a arte, que em virtude de um espelho da população, pode ser interpretada como a maior manifestação de expressão humana, sendo que não existe uma definição isolada sobre o conceito.

Apesar de transversal a várias áreas, todos os artistas manifestam um desejo comum, expor todos os seus sentimentos e emoções e transformá-los em algo maior, o que se reflete no seu trabalho.

O significado da palavra arte deriva do latino “ars” que se traduz em “habilidade” ou “técnica” e que tem a capacidade de tocar no coração do outro.

Em contexto de indústria, moda e arte difundem-se uma na outra porque ambas são expressões de algo forte e dificilmente verbalizado.

A moda tem uma qualidade fantástica, a de se aproximar do universo artístico por intermédio de colaborações e conseguir transformá-lo em moda e não o contrário, ambas se encontram na interface uma da outra.

A cumplicidade mútua durante o processo de conceção dos produtos, fortalece a tese de que as duas permeiam as raízes poéticas do seu criador e é nessa relação que nasce o concreto que outrora tinha sido abstrato, que vem a ser escultura, o quadro e a roupa.

Em termos simples, a moda não se cinge única e exclusivamente à criação têxtil. É comportamento, é história, é cultura, é liberdade de expressão, é o exercício da cidadania, é a arte em movimento.

A arte na maquilhagem:

Com certeza, a frase “o rosto é como uma tela” já deve ter ecoado algures pelos nossos ouvidos em algum momento da vida, porque o uso da maquilhagem é bastante eclético e multivariado.

Esta é uma arte antiga, que envolve muito mais do que apenas alguns rituais de beleza diários, pois exige entrega e adaptação às novas tendências e evoluções do mercado.

Sabendo de antemão da importância de se manterem atualizados, em 2018, a marca japonesa de cosméticos Shiseido, apresentou uma nova linha de delineadores inspirada na caligrafia japonesa.

O conceito que originou a ideia prende-se com a magnitude da beleza e fonte de inspiração que a caligrafia transmite, através do Inkstroke Eyeliner, que visa homenagear a prática dessa arte tão consagrada.

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A beleza da Makeup Art:

Apesar da maquilhagem tradicional ser bastante ampla e versátil, existe algo mais amplo quando é usada na busca pela criatividade e atualmente os próprios influenciadores de tendências, apelam por essa vertente nas suas redes sociais, ao usar elementos da cultura pop para espelharem os seus ideais. São os chamados make up artists.

Estes profissionais atuam de forma brilhante e pertinente dentro do seu segmento, pois utilizam o rosto como a principal ferramenta de trabalho.

A inspiração parece inata e pode surgir da beleza, fantasia, sonho, pesadelo dependendo da imaginação de cada artista e para onde pretendem canalizar essa criatividade.

O trabalho manual executado com maestria envolve uma série de cores, texturas e elementos que compilam uma verdadeira obra de arte, quase tão mutante como o extraordinário David Bowie.

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

David Bowie, o pioneiro da Make Up Art e fonte de inspiração para ambas as áreas
Abertura do Makeup Museum

No final de 2019 foi noticiada a abertura do primeiro museu de maquilhagem do mundo, previsto para arrancar no início do verão de 2020.

Com uma dedicação especial direcionada para a História da Beleza e o seu impacto na sociedade, o principal objetivo é trazer reconhecimento aos profissionais do setor e elevar o seu estatuto, enquanto peças fundamentais para o crescimento cultural.

O museu inédito abrirá portas na mítica Nova Iorque com uma premissa de trazer um enorme impacto no meio.

Quando a arte se transforma em desfile:

Durante a temporada de 2015/2016, a dupla de designers holandeses Viktor & Rolf, fizeram história ao lançar uma coleção inédita inspirada em obras de arte, posteriormente apresentada em Paris.

A Art Fashion encontrou-se numa performance única, proporcionada pelos estilistas, que incorporaram vários elementos de experimentações artísticas com um toque idílico, através de um momento inusitado, onde as modelos eram despidas e as suas roupas, penduradas nos quadros, como se de verdadeiras obras de arte se tratassem.

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte

Imagens: divulgação A descoberta de um universo dentro de um setor, a arte . .
Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.