A marca de beleza criada por millennials

Quando as canadenses Taylor e Ally Frankel usavam fraldas, a sua mãe Jenny, uma engenheira química de renome, criava produtos para a sua marca de beleza Cover Effects

Quando cresceram, elas ajudavam-na a embalar os seus produtos. Estiveram sempre rodeadas de beleza. A sua mãe trabalhou anos para a Mac Cosmetics e, em seguida, passou 12 anos no comando da sua própria marca, o que o levou a fazer uma pausa para viver com as suas duas filhas, que nessa altura já eram adolescentes.

Baby boo

Uma publicação partilhada por Taylor ? (@taylor_frankel) a


Para se poder conectar com elas, usou as redes sociais. Começou a ver as suas contas do Instagram, Facebook e Twitter para ver o que gostavam e o que não, “porque é assim que nós os millennials nos comunicamos” diz Taylor. Observou que nas suas plataformas as suas filhas não seguiam marcas de beleza, o que era interessante e impressionante porque cresceram naquele mundo.

Na adolescência

“Apesar de sermos adolescentes, não havia interesse da nossa parte. Pelo contrário, seguíamos contas de estilo de vida, moda e fitness. Lembro-me que quando podíamos assaltávamos a bolsa de maquilhagem da minha mãe e ela dizia-nos: porque usar os meu produtos de senhora se existem milhares de marcas jovens para vocês? Ao que respondíamos que não havia uma em particular que sentíssemos que falava connosco e ao nosso estilo relaxado e effortless”.

When u see it ?

Uma publicação partilhada por Taylor ? (@taylor_frankel) a


Para Jenny esse foi um momento de iluminação porque percebeu que havia marcas que procuravam o artístico e o perfeito, mas não o natural, o real e a aposta em “menos é mais”. Foi aí que as ideias começaram a surgir. Taylor, que naquela época tinha 16 anos e se interrogava “Eu quero parecer perfeita? Não quero parecer como eu, mas melhor? Sim.

A experiência

Ao combinar a experiência de Jenny e a visão de Ally e Taylor (que na altura tinham 17 e 14 anos, respectivamente), nasceu Nudestix: uma marca que fala com a mulher ou o homem todos os dias que quer ser uma melhor versão de sim mesma/o.

Taylor considera a Nudestix uma marca digital porque “desde que a lançamos há 4 anos, não possuímos um plano de marketing estabelecido e o Instagram era uma plataforma gratuita para nos expressarmos”.

As redes sociais como meio de divulgação

É através das redes sociais onde elas conseguem ideias para criar novos produtos e encontrar novos mercados. “A nossa presença global é porque há procura. Recebemos pedidos de mulheres em todo o mundo”. A marca A marca .

Desta forma, conseguiram conquistar o Leste Asiático, o México, a Austrália e quase todo o território dos EUA. “Agora é importante ouvir os teus seguidores. São eles os que apoiam a tua marca e se tornam na tua principal fonte de inspiração”.

TOMORROWTOMORROWTOMORROW ?? 01.23.18 #rocknroller

Uma publicação partilhada por Taylor ? (@taylor_frankel) a

Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.