As primeiras bailarinas em lã sustentável

As primeiras bailarinas em lã sustentável

As primeiras bailarinas em lã sustentável

O modelo mais procurado da marca, agora em burel: chegaram as Josefinas Burel Couture Black

Ao modelo mais vendido da marca juntou-se uma das tradições mais antigas de Portugal. Criadas em burel preto (100% lã), as Josefinas Burel Couture Black são feitas à mão com um dos materiais mais sustentáveis do mundo. Além de orgânico, o burel, pela resistência e impermeabilidade que lhe são reconhecidas, é perfeito para a estação outono/inverno.

Estão entre os pares mais vendidos da marca portuguesa e, após os lançamentos em
vermelho, rosa, cinza e dois tons de azul, estão agora disponíveis em preto, numa
edição limitada à estação.

Além de trazer de volta um dos modelos mais populares, as bailarinas da Josefinas
podem agora ser usadas nos dias mais frios. Um conforto que transporta a tradição
portuguesa na sua essência.

As primeiras bailarinas em lã sustentável

“Temos muito orgulho em promover um material português que, para além de ser
representativo da nossa história, é amigo do ambiente. E é incrível perceber como
esta arte, que passou de geração em geração, é tão valorizada nos mercados
internacionais”, refere a CEO e Diretora Criativa da Josefinas, Maria Cunha.

As Josefinas Burel Couture Black encontram-se disponíveis a partir de 11 de
Outubro, a um preço de lançamento especial de 119 euros. No dia 16, o par regressa
ao seu preço original, 149 euros.

Imagens: Josefinas
Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados