Avril Lavigne é a celebridade “mais perigosa” do mundo

Avril Lavigne é a celebridade "mais perigosa" do mundo

Beyoncé acaba de perder uma grande distinção, mas a Beyhive provavelmente não ficará muito desapontada por esta perda. De acordo com a Billboard, McAfee nomeou a pop star Avril Lavigne, a celebridade mais perigosa da internet.

A empresa de segurança cibernética analisou as celebridades e os seus respectivos resultados de busca para ver quais deles teriam os sites mais infectados. Olhando para vírus e malwares, os resultados de pesquisa da Lavigne no Google, Bing e Yahoo apresentaram 14,5% de possibilidades dos cibernautas trazerem “passageiros clandestinos indesejados”. Beyoncé tem a honra de ocupar o 10º lugar na lista, mas de alguma forma, ela e uma série de outras celebridades notáveis foram superadas por uma artista que não lançou nenhum material desde 2013. Se os usuários adicionarem “mp3’s livres” ao nome de Lavigne no motor de busca, a probabilidade de malware aparecer nos resultados eleva-se para 22%.

A Billboard informa que alguns factores poderiam ter levado a conquista de Lavigne a este ranking muito particular. E! tem uma característica da cantora e a internet esteve obcecada com uma teoria da conspiração que sugeria que Lavigne tivesse efectivamente morrido e substituída por uma impostora. Para além disso, ela anunciou que a sua música mais recente estava a caminho, o que poderia ter lhe dado um aumento nas buscas. Da última vez que ela esteve na lista, em 2013, foi cotada como a segunda mais perigosa.

A McAfee tem o ranking de celebridades à mais de uma década, esperando que a lista ilumine os perigos de malware e links suspeitos para os usuários de todo o mundo. Outras celebridades presentes na lista deste ano incluem nomes previsíveis como Bruno Mars, Beyoncé e Katy Perry, mas também alguns inesperados, como Carly Rae Jepsen, Céline Dion e Diddy.

Lavigne é a primeira mulher do topo da lista. No ano passado, a comediante Amy Schumer levou para casa a “honra” e, em 2015, o DJ Armin Van Buuren ocupou o primeiro lugar.

Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados