BEATRIZ BETTENCOURT (Bloom)

AWAKENESS

Para a estação outono/inverno 2017, Beatriz Bettencourt apresenta uma coleção feminina que retrata um paralelismo entre o sonho e a realidade. Sendo o sonho uma “experiência de imaginação inconsciente” e a realidade “tudo o que é percetível”, AWAKENESS serve-se da consciência humana e da sua dualidade. Deste modo, a coleção combina a sua vertente mais sóbria e estruturada (realidade), com um cenário mais livre e idílico (sonho), através da sobreposição de múltiplas camadas.

Partindo do trabalho do artista tailandês Uttaporn Nimmalaikaew, que consiste em pintar camadas de rede/tule, que quando sobrepostas criam retratos dos seus familiares, AWAKENESS trabalha este conceito de “camadas que formam imagens”, associando-o à poesia de Fernando Pessoa. Certas peças, como saias e vestidos, contêm excertos dos poemas de Pessoa bordados de forma livre, onde a linha cai solta e fluída. A paleta de cores, retirada das pinturas de Uttaporn, alia uma gama de tons nude com uma gama de azuis, associando a neutralidade do preto, branco e cinza.

A coleção é enriquecida com materiais de aspeto esmerilado, como malhas e fazendas, bem como tecidos translúcidos e de aspeto acetinado, evidenciando a confortabilidade associada ao ato de dormir. O ato de dormir é tomado na sua literalidade nos acessórios da coleção, com máscaras de dormir, sapatos sob a forma de meias, bem como malas e mochilas com o formato de almofadas. AWAKENESS cria uma nova perspetiva segundo uma atitude positiva de introspeção/deliberação entre dois mundos distintos.

Foto: Ugo Camera
Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.