Chanel revoluciona as redes sociais

Chanel revoluciona as redes sociais

A “maison” abre um perfil onde compartilha os seus truques, produtos, “looks” e inspirações. O objectivo? Ajudar as mulheres a superar as suas diferenças

Se existe uma rede social onde a indústria da moda encontrou o seu lugar, é o Instagram. Inspiradora e visual, esta comunidade virtual tornou-se o meio favorito de informação para os bloggers em todo o mundo. É por isso que ninguém ficou surpreendido quando a própria Anna Wintour e a falecida Franca Sozzani organizaram um jantar em Setembro de 2015, coincidindo com a Semana da Moda em Paris, em homenagem a Kevin Systrom, o fundador da aplicação.

Afinal, alguns dos mais poderosos instragrammers pertencem a esta indústria, como Olivier Rousteing – o director criativo de Balmain -, as supermodels Kendall Jenner, Gigi Hadid ou Karlie Kloss ou o criador Alessandro Michele. E não nos esqueçamos de que as it-girls que escrevem as regras do estilo actual, como Chiara Ferragni (11,5 milhões de seguidores) Camille Charrière (625 mil) ou Pernille Teisbaek (520 mil) cresceram sob a rede social.

c2

“Há cinco anos atrás, quando lancei a app, tinha dois seguidores”, declarou Systrom na altura. “Não é tanto como o Instagram mudou a moda, mas como a moda mudou o Instagram. Mudaram-nos”, disse o empresário. “Agora não importa és, mas quantos seguidores tens”, acrescentou Sozzani.  Chanel revoluciona Chanel revoluciona

Com um novo Instagram dedicado à beleza, Chanel revoluciona as redes sociais

O facto das empresas terem seu próprio perfil não é novidade, mas, hoje, as marcas não se limitam a apenas uma. A maison Chanel lança @chanel.beauty: uma nova conta no Instagram dedicada exclusivamente à beleza, nascida com o objectivo de compartilhar a sua visão única do universo da beleza, maquilhagem e dos seus produtos. Lucia Pica, designer criativa de maquilhagem de cores da Chanel, também usará essa ferramenta para transmitir às incondicionais fãs da marca as suas referências, truques e o seu ponto de vista.

c3

Na nova conta, descobriremos imagens da cultura da empresa. Informações dos seus eventos ou notícias de beleza, embora o conteúdo da plataforma tenha um objectivo claro: ajudar as mulheres a criar e cultivar as suas diferenças. O grito de guerra? Create Yourself. Graças a esse canal de expressão viva, Chanel reforça a sua presença nas redes sociais e consolida o seu relacionamento com a beleza incondicional. Nós gostamos.

Imagens: Getty Images
Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.