Comer por ansiedade: aprender a controlar os desejos

Comer por ansiedade: aprender a controlar os desejos

Comer por ansiedade: aprender a controlar os desejos

Às vezes, o desejo de comer é mais forte do que outras vezes, e são desejos impulsivos, que levam a comer com ansiedade. Muitas pessoas, apesar de se sentirem cheias, continuam a comer para se sentirem melhor.

A ansiedade por comer geralmente não é causada pela fome, mas pela satisfação das necessidades emocionais. A comida leva ao alívio de situações de stress, medo, tédio ou tristeza. Nestes casos, a comida torna-se numa calma temporária.

Comer emocionalmente pode levar a sabotar os esforços para perder peso, uma vez que a ansiedade sobre comer leva a alimentos ricos em calorias, açúcar, carboidratos e gordura. Mas existem truques e soluções para controlar os hábitos alimentares e os objectivos directos da dieta.

1 – Aceitar o problema

Faz uma introspecção para descobrir a origem da ansiedade para comer por impulso. Detecta o problema que causa ansiedade, entende-o para enfrentar o problema, que pode ser auto-estima ou stress.

2 – Adia os impulsos

Identifica o desejo de comer e realiza outras actividades durante meia hora. Após esse período, é provável que a ansiedade para comer tenha diminuído, pois a sensação de fome é mental. Se meia hora se passou e a fome persiste, o ideal é comer fruta.

3 – Bebe água

Idealmente, bebe 8 copos de água sem açúcar diariamente.

4 – Exercício

O exercício é essencial para manter o corpo e a mente em forma, bem como reduzir o stress e a tensão, além de oxigenar o corpo.

5 – A importância da respiração

A rotina, nalguns casos, deixa pouco tempo para desportos; neste caso, é necessário aprender a respirar para deixar o stress de lado. Inalações de 3 segundos, reter o ar cerca de 2 segundos e expirar por 5 segundos, gerando um relaxamento dos músculos.

Quanto melhor o entendimento das emoções, mais fácil será gerenciar a ansiedade e lidar com os desejos por alimentos não saudáveis.

Imagens: divulgação Comer por ansiedade: aprender a controlar os desejos . .
Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados