Cuidados com a pele no verão

Cuidados com a pele no verão

Cuidados com a pele no verão

O nosso corpo precisa da presença do sol para viver, sem ele não existiriam as plantas e portanto a vida como a conhecemos, nem tão pouco poderíamos sintetizar e absorver determinadas vitaminas essenciais ao nosso organismo. Mas aparte ser fonte de vida também é de prazer: a luz traz-nos outra perspectiva da vida, faz-nos ver de outra forma os nossos problemas, o calor reconforta os nossos corpos

O sol é essencial para a nossa saúde principalmente porque ajuda a fornecer ao nosso corpo a vitamina “D”, nutriente essencial para o fortalecimento dos ossos, e também funcionando como coadjuvante na protecção de determinadas doenças. No entanto, quando se apanha sol em excesso e sem a protecção adequada, podemos estar a prejudicar de forma irremediável a nossa pele, dando um grande passo para o envelhecimento prematuro, manchas e doenças como o cancro da pele, fruto das contínuas queimaduras solares.

Este efeito nocivo ocorre porque ao diminuir a camada de Ozono, fenómeno que se acentua com o passar do tempo, sobem os níveis de radiação ultravioleta (UV), os quais são por demais prejudicais para a pele das pessoas, aumentando a possibilidade de queimaduras e por conseguinte o dano sistemático da pele.

Cuidados com a pele no verão

A eleição de um factor de protecção

Nem todos temos a mesma quantidade de melanina na pela. A melanina é um escudo bastante eficaz contra os raios solares e em contacto com eles provoca uma reacção cujo resultado final dá a cor tostada da pele. Sendo assim e dependendo da quantidade de melanina existente na nossa pele devemos eleger o nosso protector solar.

O factor de protecção tem que ser de acordo com a pele de cada um
O factor de protecção tem que ser de acordo com a pele de cada um

Peles muito claras: Este tipo de pele praticamente não tem melanina pelo que não se bronzeia, apenas fica vermelha e se queima. Deve evitar o sol directo e usar protectores com o nível de protecção mais elevado. Se este é o seu tipo de pele escolha protectores com índice 60 ou superior.

Peles claras: Normalmente têm pouca melanina e apesar de se bronzearem, queimam-se com muita facilidade. Se este é o teu tipo de pele evita a exposição continua e utiliza protectores altos, na ordem do factor 45.

Peles douradas: Têm abundância de melanina e bronzeiam-se de forma correcta, apesar de também se poder queimar se não tivermos os devidos cuidados. Se a tua pele se enquadra neste ponto, uae factores de protecção médios, em torno de protecção 20.

A ingestão de bastantes líquidos é fundamental para uma pele perfeita
A ingestão de bastantes líquidos é fundamental para uma pele perfeita

Peles morenas: De fácil bronzeado porque tem uma grande quantidade de melanina, é necessário também protegermos-nos dos componentes prejudiciais dos raios solares, como os ultravioletas B e A. Para isso basta usar um protector solar com factor de protecção 10.

Crianças: As crianças com menos de seis meses não devem apanhar sol. Desde esta idade até à adolescência é necessário tomar precauções adicionais tais como cuidados especiais na exposição ao sol, usar produtos apenas com factor de protecção elevado (mínimo factor de protecção 30). Deverão aplicar o produto frequentemente e de cada vez que saiam da agua.

Precauções ao sol

Já ninguém pode alegar falta de conhecimento na altura de ir para a praia debaixo de um sol arrasador e sem nenhuma protecção. No entanto continuam a ser muito frequentes os casos em que no lugar de um protector solar as pessoas usam “aceleradores de bronzeado”, do tipo óleo de coco, etc. Produtos que na verdade actuam como micro-lupas produzindo queimaduras em muitos casos bastante sérias. Por isso, segue os nossos conselhos e obterá uma pele sã e, ao mesmo tempo, com um bronzeado perfeito.

Aplica o protector solar pelo menos 30 minutos antes de te expores ao sol.

O protector não é eterno pelo que deves repetir a operação pelo menos de duas em duas horas.

Apesar de o protector permitir tomar banho no mar, é essencial de cada vez que saias e te seques voltes a aplicar o protector.

Aproveite a praia na sua plenitude
Aproveite a praia na sua plenitude

Adequa o teu tipo de pele ao grau de protecção a utilizar com o protector solar.

Os lábios precisam de tratamento especial e para eles existem produtos especiais, que para além de protectores funcionam também como hidratantes e evitarão que fiquem “gretados”.

Previne as insolações usando um chapéu ou lenços, mesmo quando está deitada.

Use óculos de sol, mesmo que esteja à sombra, uma vez que os raios reflectidos sobre a areia também podem produzir lesões oculares.

Os óculos de sol são fundamentais para não prejudicar os olhos
Os óculos de sol são fundamentais para não prejudicar os olhos

As crianças com menos de 6 meses não devem apanhar sol.

Hidrate a pele depois dos banhos de sol. Existem excelentes produtos com essa finalidade.

As queimaduras

 Uma queimadura solar é uma queimadura na pele produzida pela super exposição à radiação ultravioleta (UV), geralmente dos raios solares. Uma queimadura semelhante pode ser produzida por uma super exposição a outras fontes de UV como lâmpadas de bronzeamento (solários).

Cuidados com a pele no verão
A queimadura solar é perigosa

As queimaduras solares podem ameaçar a vida e são causa de muitos tipos de cancro. Elas podem ser evitadas facilmente através do uso de protector solar, roupas (e chapéus), e com a limitação do tempo de exposição solar, especialmente durante o período do meio-dia e tarde. A única cura para a queimadura da pele é a lenta recuperação, embora cremes de pele possam ajudar.

Cuidados com a pele no verão
Embora com menor incidência, o cancro da pele também mata

Muito bem, não seguiram os nossos conselhos e queimaram-se. O que pode parecer uma simples queimadura solar pode-se tornar num grave problema uma vez que a pele é um escudo mas não é invencível. Os raios de sol podem causar cancro na pele com mais facilidade do que normalmente as pessoas julgam. Mas agora não há nada a fazer, por isso siga os conselhos seguintes:

Não perfure, em qualquer circunstância, uma bolha produzida por uma queimadura solar.

Coloque um creme anti-queimadura em quantidade q.b.

Proteja a zona do exterior, principalmente da luz solar.

No caso de tonturas, desfalecimento, sono, e outros sintomas não identificáveis, vá IMEDIATAMENTE para o hospital ou centro de saúde mais perto. Poderá muito bem ter apanhado algo mais do que uma simples queimadura.

Que significa o factor de protecção?

É o número de vezes que podemos aumentar a exposição ao sol, protegendo a pele, para que se produza o mesmo bronzeado que normalmente se obteria com uma pele sem protecção. Isto é, se uma pessoa se “queimaria” ao sol em 10 minutos, com um protector solar factor 10 demorará 100 minutos a obter o mesmo efeito.

Cuidados com a pele no verão
A cor perfeita, o bronzeado perfeito
É conveniente saber Cuidados com a pele no verão

As radiações são mais perigosas quanto mais alto for o local em que se encontre. Isto é o mesmo que dizer que nas montanhas são mais perigosos do que na praia.

Cuidado com as radiações provocadas por reflexos. Uma sesta debaixo de um guarda-sol protege a parte superior, mas cuidado porque os reflexos provocados na areia podem provocar queimaduras graves.

Apesar dos protectores solares serem resistentes à água, é muito conveniente que o volte a aplicar depois de um banho.

Evitar as horas de maior calor. As horas ideias para estar na praia são as primeiras horas da manhã e as ultimas da tarde. Em Portugal, os médicos recomendam que entre as 11 e as 17 as pessoas devem evitar a exposição solar. Caso contrário, deverão beber muitos líquidos, nomeadamente água, proteger-se do sol e usar creme protector solar.

Os dias nublados aparentemente são inofensivos, mas apenas aparentemente. Na realidade é um erro dizer que não nos queimamos nesses dias porque “não está sol”. Nada poderia estar mais longe da verdade, porque se não houvesse sol seria noite.

Cuidados com a pele no verão
Seguindo os nossos conselhos, irá obter o bronzeado com que sempre sonhou

Por tudo isto, é necessário tomar consciência de que os danos causados pelo sol são acumulativos e irreversíveis, sendo que depende de cada um prevenir consequências futuras como o cancro da pele, uma doença que se tem incrementado perigosamente entre os jovens nos últimos anos.

Imagens: divulgação Cuidados com a pele no verão . .
Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados