El Corte Inglés supera Inditex em vendas de moda

El Corte Inglés supera Inditex em vendas de moda

El Corte Inglés supera Inditex em vendas de moda

El Corte Inglés supera a Inditex. A marca de grandes armazéns consolidou-se como a principal vendedora de moda no mercado espanhol, alcançando um volume de negócios de 4.961 milhões de euros em 2017, de acordo com a apresentação que fez na bolsa de valores irlandesa. Desta forma, a empresa superou o grupo galego Inditex, que no mesmo período atingiu um volume de negócios de 4,129 milhões.

De facto, as vendas do El Corte Inglés no seu segmento de moda cresceram 6% nos dois anos anteriores, enquanto a margem bruta se situou nos 36,9%. Além disso, o peso da Sfera na demonstração de resultados da empresa também aumentou.

El Corte Inglés, que desde Junho tem Jesus Nuño de la Rosa como presidente, está imerso num plano para relançar o grupo, no qual a moda desempenha um papel fundamental. No ano passado, a empresa iniciou um plano para reorganizar os seus negócios de moda, prescindindo pelo menos seis das suas próprias marcas de moda, com o objectivo de concentrar os seus esforços nalguns rótulos por categoria. Studio Classics, Essentials, Homminem ou B. Stop são algumas das empresas que desapareceram.

Os três eixos da expansão do El Corte Inglés no sector da moda são o desenvolvimento das suas marcas próprias, que são distribuídas apenas nos seus centros, marcas de terceiros e a sua cadeia de moda independente, Sfera.

O El Corte Inglés encerrou o ano de 2017 com um lucro líquido de 202 milhões de euros, 25% mais do que no ano anterior. O faturamento da empresa cresceu 2,8% no mesmo período, para 15,935 milhões de euros. a a a a a a a a a a a a a a a a a

Imagens: divulgação El Corte Inglés supera Inditex em vendas de moda .
Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados

Tendências Online Portugal Shopping Online Ignorar

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.