Estala a polémica no casamento real do ano

Estala a polémica no casamento real do ano

O casamento do ano está sem padrinho: o pai de Meghan Markle não comparecerá ao casamento quando se tornou publico que cedeu fotos aos paparazzi.

É o casamento do ano. O elo entre Meghan Markle e o príncipe Harry fez rios de tinta desde que o casal anunciou o seu compromisso no final do ano passado. E agora que faltam apenas três dias para o evento, chega a grande surpresa: o casamento não tem padrinho. O Palácio de Kensington confirmou que Thomas Markle não vai assistir ao casamento da sua filha, que ia acompanhar o altar, depois do escândalo que eclodiu ao saber-se que cobrou dinheiro a alguns paparazzi depois de lhes ceder algumas fotos. A polémica está servida.

À semanas atrás, saíram à luz imagens de Thomas Markle, nas quais foi visto lendo um livro sobre o Reino Unido e revendo num cyber café notícias sobre o casal real. Muitas pessoas as aplaudiram por serem adoráveis, embora agora se saiba que, na realidade, eram imagens foram acordadas com os fotógrafos. Houve rumores de que o futuro sogro do príncipe Harry teria cobrado cerca de 100 mil dólares (cerca de 85.000 euros) pelas imagens.

Estala a polémica no casamento real do ano

Família reconhece os factos

A família de Meghan reconheceu os factos. A sua meia-irmã, Samantha Grant, no entanto, nega que o seu pai de 73 anos estivesse a vendê-las por dinheiro. Fê-lo, disse, para que fossem essas imagens publicadas, em vez de outras em que ela se via a comprar cerveja em situações descontraídas e que, aparentemente, não daria boa imagem na capa.

Embora Thomas Markle diga que o valor cobrado não está nem perto dos 100.000 dólares de que falam, reconhece que recebeu dinheiro. E é por isso que preferiu desistir de ir ao casamento (não sabemos se depois de receber essa sugestão do Palácio de Kensington). Não têm sido dias fáceis para o futuro sogro real, pois à menos de uma semana atrás, sofreu um ataque cardíaco, cuja recuperação estava a forçar  para chegar sem sobressaltos ao grande dia.

Kensington Palace, residência oficial do príncipe Harry, emitiu uma declaração sobre o assunto: “Este é um momento profundamente pessoal para Miss Markle nos dias antes de seu casamento. O príncipe Harry e ela pedem de novo compreensão e respeito, extensível também ao Sr. Markle, nesta situação difícil”.

A ausência de Thomas Markle significará, sem dúvida, grandes mudanças no protocolo do grande dia. Estava programado chegar durante estes dias a Londres e seria ele que recebia a filha no Sábado à porta da capela de St. George do Castelo de Windsor e acompanhá-la ao altar. Desconhece-se quem ocupará esse lugar agora, embora isto só aumente a expectativa para que Sábado chegue.

Imagens: divulgação Estala a polémica no casamento real do ano Estala a polémica no casamento real do ano




Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Pode utilizar estas HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Tendências Online Portugal Shopping Online Ignorar

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.