Primark cresce 4% no primeiro trimestre fiscal

Primark cresce 4% no primeiro trimestre fiscal

Primark cresce 4% no primeiro trimestre fiscal

A Primark, propriedade da Associated British Foods, avançou os resultados das suas vendas durante o primeiro trimestre (período concluído passado dia 5 de Janeiro). Assim, a empresa de moda low cost registou crescimento um de 4% durante esses três meses.

Esta melhoria deve-se principalmente ao aumento da sua área comercial, que aumentou em 27.871 metros quadrados durante este período, graças às aberturas realizadas naquele trimestre, como as novas lojas em Sevilha, Almería e Toulouse (França).

Durante o exercício, a retailer de moda prevê expandir a sua área comercial em 83.612 metros quadrados, graças à abertura em Nova Jersey (Estados Unidos), Birmingham (Reino Unido) e o seu primeiro estabelecimento na Eslovénia para final do ano. Mas nem tudo são aberturas, já que a empresa anunciou o encerramento da sua loja mais pequena, localizada em Oviedo (Astúrias – Espanha).

Por áreas geográficas, o Reino Unido melhorou as suas vendas em 1% em relação ao mesmo período do ano anterior, graças ao bom desenvolvimento das vendas de Natal. No resto da Europa, a sua facturação cresceu 5% a uma taxa de câmbio constante, destacando os aumentos em França, Bélgica e Itália.

Em Portugal, as vendas da empresa irlandesa foram boas, tal como aconteceu nos Estados Unidos, graças à inauguração, em Julho passado, de uma loja em Brooklyn (Nova Iorque).

Imagens: divulgação Primark cresce 4% no primeiro trimestre fiscal
Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será divulgado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.