Sisley – Uma campanha “One of a Kind”

Sisley - Uma campanha "One of a Kind"

Concebida e fotografada por esse grande nome da fotografia que é Bettina Rheims, a campanha OI/17 da Sisley desafia os estereótipos de género com um misto de graça e sensibilidade.

#oneofakind: este é o hashtag que remete para a campanha OI17 da Sisley. Uma referência ao estilo único da Sisley, aos modelos escolhidos para esta campanha e a Bettina Rheims, uma das personalidades mais originais, ecléticas e provocantes do mundo da fotografia contemporânea.

Um grupo de pessoas vestidas com peças icónicas da Sisley posa no interior de um armazém, frente a uma série de caixas de madeira usadas para o transporte de obras de arte de grandes dimensões. Olhando de perto vemos modelos que desafiam os estereótipos de género.

O cenário remete para essa idea de que a questão do género continua a ser ‘manuseado com cuidado’, com um elenco que interroga todos os clichés associados à masculinidade e feminilidade na sociedade contemporânea. Este é um passo decisivo para a Sisley, marca que opta uma vez por mais por enfrentar os preconceitos da sociedade mostrando indivíduos tal como são.

“Para abrir novos caminhos temos que provocar reações e emoções nas pessoas, até mesmo reações de ira e o medo”, afirma a fotógrafa francesa Bettina Rheims. No decurso da sua carreira, Rheims teve que enfrentar os preconceitos num ambiente dominado por homens, que muitas vezes não aceitavam o seu estilo forte que consideravam como ‘masculino’.

 

Nos anos 1990, Rheims publicou o livro de culto Modern Lovers, com retratos a preto e branco de adolescentes de visual andrógino. “Registei momentos, momentos únicos em que a pessoa tanto era homem e mulher ao mesmo tempo”, lembra a fotógrafa, “Tinha muito pouco tempo para tirar a fotografia já que essa impressão era fugaz e rapidamente se desvanecia”. Trata-se de um passo importante para esta marca italiana de moda, conhecida pela sua personalidade rebelde e pelas suas posições pouco convencionais.

“É deveras excecional e generoso ver uma marca de moda como a Sisley assumir posições de forma assim tão clara sobe o tema do género”, conclui Rheims, “Espero que esta campanha contribua para lançar algumas luzes sobre estas pessoas fantásticas dando-lhes voz”.

Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados