Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres

Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres

Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres

Delegação portuguesa na Fashion SVP London, feira internacional da indústria da moda, conta com a participação de várias empresas, numa clara demonstração de força da produção nacional. Empresários reforçam posição no mercado britânico e europeu.

Bergand By Gulbena – Confecções Lança – Confenix – Custoitex – Intecol – IslandCosmos – Lima & Companhia – My Shirt – Siena – Triwool – Trot & Trotinete – Wonder Routine

Durante 2 dias, 26 e 27 de junho, a Fashion SVP vai atrair a Londres compradores de todo o mundo, à procura de novidades e de novas oportunidades de negócio. Entre os mais de 120 expositores presentes, a delegação portuguesa conta com a participação de 15 empresas, numa clara demonstração da energia e vitalidade da indústria têxtil portuguesa.

Para além da divulgação das marcas portuguesas, a feira surge como uma oportunidade especialmente interessante para as empresas que procuram afirmar-se no mercado do Private Label. A My Shirt, a participar no evento pelo segundo ano consecutivo, é um desses casos. Especializada em camisas e blusas, a empresa procura construir novas parcerias em Londres com a sua colecção em digital print e denim. “A nossa colecção é o resultado de um trabalho de paixão pela arte de fabricar vestuário de qualidade” afirma Gil Ferreira, gestor de relações internacionais da empresa.

Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres

O mercado de Private Label é também um dos principais objectivos de Miguel Oliveira, CEO da Confenix. “Procuramos encontrar bons clientes do Reino Unido, mas também de França e Itália, que estejam interessados em Homewear e Streetwear”, explica o empresário, que leva a Londres uma grande oferta de malhas circulares para pijamas, robes, fatos de treino e roupa desportiva. Também com uma aposta em peças especializadas para a prática desportiva estará a Bergand By Gulbena, que já participa na Fashion SVP desde 2015. “Continuamos a apostar nesta feira porque tem vindo a crescer, registamos um aumento de contactos de ano para ano” afirma Helena Garcia, Diretora comercial da empresa.

A Lima & Companhia é outro dos nomes nacionais a marcar presença. A empresa, que conta com uma experiência de 40 anos na produção de vestuário e malhas, reformulou recentemente os processos da sua unidade industrial para aumentar a capacidade produtiva. Márcia Cortinhas, directora comercial, procura agora novos clientes que ajudem a empresa a manter o crescimento: “acreditamos que temos uma proposta de valor e esperamos conseguir atrair novos projectos private label, quer de Inglaterra como de outros mercados.”

Já no sector da lingerie e collants, a Custoitex, já com presença habitual na Fashion SVP, leva a Londres uma nova colecção, com o qual espera aumentar a sua presença no mercado inglês. “Vamos apostar essencialmente em cores fortes e em novos padrões” adianta Mónica Morais, directora de marketing da empresa.

Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres

A trabalhar para o mesmo mercado estará a Intecol, que apesar de ter uma marca própria – a Lady Suzy – prepara-se para se apresentar acima de tudo como fornecedor private label de meias e collants. “Tradicionalmente no mercado do Reino Unido estão presentes todas as grandes marcas de moda internacionais que procuram fornecedores para produção sob a sua insígnia” explica Célia Macedo, CCO da empresa.

Em Londres, a delegação portuguesa vai encontrar um mercado britânico muito específico. Margarida Oliveira, gestora comercial para o mercado inglês da Triwool, descreve o Reino Unido como “um mercado exigente, com costumes já bastante enraizados e que se tornou ainda mais difícil com a sombra do Brexit”. Já Fernanda Valente, Export Sales Manager da IslandCosmos destaca o facto do mercado britânico “reagir muito rápido e procurar respostas quase imediatas”. Apesar das características apontadas, ambas as empresas fazem balanços positivos das participações passadas.

Tónica nas potencialidades do mercado britânico

Nelson Salgado, do departamento comercial da Wonder Routine, prefere colocar a tónica nas potencialidades do mercado britânico para a indústria nacional: “Sendo o Reino Unido um dos países com o maior volume de negócio em vestuário, torna-se um mercado aliciante para quem trabalha nesta indústria.” A participar pela segunda vez no certame, a Wonder Routine espera superar os “excelentes resultados da edição passada” com uma aposta forte no vestuário de bebé e criança.

Também com uma experiência positiva na Fashion SVP está a Confecções Lança. Luís Pereira, responsável comercial pelo mercado inglês e representante da empresa, afirma ter uma óptima experiência com o certame: “aparecem sempre clientes novos e Inglaterra é um importante mercado para nós.”

Com esperança em ter uma experiência semelhante estará a Trot & Trotinete, a estreante portuguesa em Londres. “Acreditamos que o mercado do Reino Unido, pode ser um grande potencializador para a nossa expansão internacional” explica Paulo Pereira, International Sales Manager da marca, com a clara expectativa de encontrar na Fashion SVP novas oportunidades de negócio.

Estarão ainda a expor a Dielmar, Orfama e Tiva.

A participação das empresas portuguesas na Fashion SVP, é uma iniciativa promovida pela Selectiva Moda e pela ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal no âmbito do projeto From Portugal, que visa promover a internacionalização das empresas portuguesas da área da Moda. O projeto é co-financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 – Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, tendo um montante de apoio elegível de 12.118.285,17€, dos quais 6.695.352,55 € são provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Imagens: divulgação / Selectiva Moda Têxteis “From Portugal” com forte presença em Londres




Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados

Tendências Online Portugal Shopping Online Ignorar

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.