Têxtil português na frente das tendências masculinas

Têxtil português na frente das tendências masculinas

Têxtil português na frente das tendências masculinas

Florença recebe mais uma edição da Pitti Uomo, entre 12 e 15 de Junho, quatro dias em que volta a ser a meca da moda masculina. A comitiva “From Portugal” marca presença destacada e veste o seu melhor look para impressionar mercado internacional.
Common Cut – Dielmar – Lado Incognito

Durante 4 dias Florença voltará a ser a meca do mercado internacional da moda masculina e o têxtil português, cada vez mais na vanguarda das tendências internacionais, não poderia faltar à chamada. A delegação portuguesa na Pitti Uomo, que será constituída pelas marcas Dielmar, Lado Incognito e Common Cut, parte para Itália com o objectivo de se destacar num universo de centenas de marcas presentes, naquela que é considerada uma das principais feiras internacionais de moda masculina.

Em vésperas do evento, a Lado Incógnito não poupa esforços para que a viagem se transforme num sucesso comercial. Com o objectivo de solidificar a sua presença em Itália, a comitiva da marca portuguesa prepara ainda um conjunto de visitas a clientes. “O mercado Italiano é um mercado forte, no qual já estamos presentes mas que gostaríamos de explorar ainda mais.

Exactamente por essa razão fizemos um levantamento de todas as lojas onde gostaríamos de estar presentes e vamos visita-las nos 2 dias anteriores à feira”, confessa Leonor Jácome de Castro, directora de marketing da empresa. Jerseys, sarjas e fatos de banho serão os principais argumentos apresentados pela Lado Incógnito para marcar a diferença no certame.

Têxtil português na frente das tendências masculinas

Têxtil português na frente das tendências masculinas

Já no sector do calçado, a Commoncut prepara o lançamento de uma nova colecção de “Sneakers”, com um estilo minimalista e urbano, baseado na utilização de peles hidrofugados e sola Vibram. Fernando Figueiredo, designer e co-proprietário da marca espera conseguir estabelecer novos contactos na Pitti Uomo e deixar uma boa impressão “pela qualidade e intemporalidade dos produtos da Common Cut”.

Também a expor na feira está a Dielmar, que marcará presença no pavilhão principal da feira, lado a lado com as grandes marcas globais, prepara-se para surpreender o mercado com uma nova colecção, inspirada na irreverência dos “loucos anos 20” do século passado. “Casacos e coletes de trespasse, casacos de três botões e calças com pregas serão peças chave, numa clara alusão aos anos 20” adianta Ana Paula Rafael, CEO da empresa. Também nos padrões a marca prepara-se para inovar com a aposta em tecidos padronizados e coloridos.

A participação das empresas

A participação das empresas portuguesas na Pitti Bimbo é uma iniciativa promovida pela Selectiva Moda e pela ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal, que visa promover a internacionalização das empresas portuguesas da área da Moda. O projeto From Portugal é co-financiado pelo Portugal 2020, no âmbito do Compete 2020 – Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, tendo um montante de apoio elegível de 12.118.285,17€, dos quais 6.695.352,55 € são provenientes da União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Imagens: From Portugal Têxtil português na frente das tendências masculinas



Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados

Tendências Online Portugal Shopping Online Ignorar

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.