Zara cria nova versão do controverso vestido sexista

Zara cria nova versão do controverso vestido sexista

Zara ecoa na controvérsia uma vez mais,  desta vez por criar uma nova versão de um vestido que no ano passado revolucionou as redes sociais pela descrição tão sexista com a qual a marca quis descrever o produto: “Isto é o que sabemos: os homens adoram vestidos de Verão. Este é o vestido que os faz esquecer o motivo pelo qual estão zangados contigo. Confia em nós. De nada”. Parece incrível que essa descrição se tornaria viral, e para piorar as coisas, agora o grande Amancio Ortega quis lançar um novo sucesso com a sua própria adaptação deste mítico vestido.

Zara cria nova versão do controverso vestido sexista

A rainha da Inditex, Zara, foi a marca que se encarregou de comercializar este vestido que tanta controvérsia causou no ano passado. Isso sim, com uma descrição nada comparável à que realizaram: “Vestido com roda acima do joelho. Decote em V, mangas curtas. fecho traseiro, tecido estampado”. Nada a ver, verdade?

Zara cria nova versão do controverso vestido sexista

Interrogam-se pelos motivos que com toda a segurança esta é uma das peças que mais veremos nesta temporada. Em primeiro pelo seu preço, visto que considerando que o original tinha um valor de 175 euros, agora a Zara decidiu colocá-lo à venda por 25.95 euros, um ponto muito a favor.

Zara cria nova versão do controverso vestido sexista

Em segundo lugar, pelo seu desenho; o modelo era realmente muito bom, mas  claro, não o favorecia em absoluto por estar ligado a uma conotação tão negativa e imagem de “mulher objecto”. Por outro lado, esta nova versão da Zara deixa de lado todos os estereótipos e realça a parte que tem a ver com a moda.

Finalmente, o enfoque veraneado que Zara lhe deu e as suas cores que ajudam a dar versatilidade ao desenho.

Sem comentários ainda

Comentários estão encerrados